sábado, setembro 09, 2006

Fui eu , mas não fui eu ...

“ Com o palco nunca há problema , porque é meu. Eu coloco muitos palcos de norte a sul do país “.
Eu , “foi você que colocou o palco em Oleiros há dois ou três anos , não foi ? “ ( eu sabia que sim ) .
“ Sim, sim era o meu palco.Sou sempre eu que vou lá montar o palco“.
Eu , “ pois então livrou-se de boa , porque estive quase para apresentar queixa à direcção geral de espectáculos . Uma das abas do PA ruíu e as estruturas em que o mesmo assentava estavam todas velhas , com peças partidas ou mal soldadas e foi um milagre conseguirmos fazer o espectáculo. Estava ali um trabalho vergonhoso que colocava em risco a vida de uma série de pessoas. O que valeu , mais uma vez , foram os elementos da comissão de festas que com a ajuda dos bombeiros estiveram a reforçar o palco todo”
“ Fui eu , mas não fui eu . Foram uns rapazes que o foram lá montar” !!!!!

4 comentários:

janica disse...

AAAAAAAaaahahahahahha!
Esse senhor não trabalha, certamente, com arroz :p

É pena q todos os anos as histórias se repitam. E depois, quando lá se apanha um palco com as condições que todos deveriam ter, achamos um LUXO. Do melhor! Do best! Está td nivelado por baixo...é uma pena, mesmo.

Vamos lá ver amanhã. "O espectáculo musical e o espectáculo pirotécnico"

Pêndulo disse...

tipicamente "tuga"... fui eu para as coisas boas... foram os meus rapazes que nada percebem do assunto qdo a coisa corre mal...

João Filipe Ferreira disse...

ehehehe
adorei o blog
beijinho enorme:)

lena disse...

ehahehahah...
muito bom...
beijinhos